Executivos da Cascar Brasil Mineração apresentam à FIERN o Projeto Borborema

28/06/2019   12h29

 

 

O Diretor Presidente da Cascar Brasil Mineração, Andrew Richards, acompanhado de diretores da companhia, esteve na sede da FIERN, na tarde desta quinta-feira (28), para apresentar o empreendimento destinado à produção de ouro, na zona rural do município de Currais Novos, intitulado Projeto Borborema. Com investimento superior a R$ 300 milhões, o projeto prevê uma produção inicial de 900 mil toneladas por ano, podendo chegar no futuro a 4 bilhões, com geração de 390 empregos diretos dentro dos setores administrativos, de mineração e de beneficiamento do ouro.

 

A comitiva, formada pelo Diretor Operacional, Júlio Nery, a Diana Uchoa, Diretora Administrativa, a geóloga Jucieny Barros, responsável pelo Projeto Borborema, além de Nirlando Viana, também geólogo e a arquiteta Marcela Godoy, foi recebida pelo Presidente do SINDIMINERAIS/RN, Mário Tavares, representado o presidente da FIERN, Amaro Sales.

 

A empresa vem desenvolvendo pesquisas minerais desde 2010, quando adquiriu os direitos minerários, na Fazenda São Francisco, para implantação de planta de beneficiamento de ouro com capacidade de processamento de 2 Mtpa (dois milhões de toneladas por ano). O Projeto Borborema consiste em três concessões de lavra cobrindo uma área total de 29,07 km².

 

Em abril de 2019, o Idema concedeu à Cascar Brasil Mineração Ltda., após cumprimento de todas as exigências cabíveis, a Licença de Instalação para a exploração de uma área de 490 hectares destinadas a implantação das instalações do Projeto Borborema para o desenvolvimento das atividades de extração e beneficiamento mineral para obtenção de ouro. A área já foi alvo de exploração de ouro, nas décadas de 1980-1990, pelas empresas Mineração Xapetuba e MGP Mineração e Agropecuário LTDA.

 

A operação está condicionada à conclusão da fase de instalação da mina que consiste na construção das estruturas, preparação dos acessos, dique, edificações e área de deposição de estéril/rejeito, bem como no atendimento das condicionantes ambientais.

 

Participaram também da reunião, o Superintendente Regional do SESI/RN, Juliano Martins, o Diretor Regional do SENAI/RN, Emerson Batista, a Superintendente Regional do IEL/RN, Angélica Teixeira, o Superintendente de Relações Institucionais da FIERN, Hélder Maranhão, o Gerente da Unidade Corporativa de Relações com o Mercado, Erick Couto, e o Diretor do ISI-ER/CTGAS-ER, Rodrigo Mello.