Diretor de Inovação da FIERN participa da Web Summit em Portugal e destaca iniciativas no RN

17/11/2023   14h42

 

Ao participar do Web Summit Portugal 2023, entre segunda (13) e quinta-feira (16.11), na Altice Arena, em Lisboa (Portugal), o diretor da FIERN e presidente da Comissão Temática de Inovação e Tecnologia da Federação (COINCITEC), Djalma Barbosa da Cunha Júnior, destacou as iniciativas para consolidar um ecossistema de inovação em Natal e nos demais municípios do Rio Grande do Norte. A Web Summit é considerada a principal conferência de tecnologia do mundo e, nessa edição, teve mais de 71 mil participantes, entre os quais 2.600 startups e centenas de investidores interessados em novos projetos.

 

 

Durante painel no Pavilhão Brasil, o presidente da COINCITEC/FIERN abordou os ecossistemas de inovação no país e destacou aspectos da governança que se articula e desenvolve no Estado. Djalma Barbosa integrou o painel com o gerente de Inovação do SEBRAE Nacional, Paulo Renato Cabral e Paulo Marcio de Freitas, CEO da Cientec aceleradora de Viçosa (MG).

 

 

 

 

“Fazer parte do estande do Brasil, juntamente com o Sebrae Nacional e a APEX, foi uma satisfação gigante. Trata-se de uma oportunidade para uma troca de experiência, conhecimentos e vivências que acrescenta ao que buscamos agregar no Rio Grande do Norte para fortalecer a inovação”, afirmou Djalma Barbosa. “Tivemos a chance de falar de nosso ecossistema, de como a governança está acontecendo e seus resultados para fomentar projetos inovadores em Natal e para os demais municípios de Estado”, observou.

 

 

Para ele, a atenção à experiência que é executada indica acertos e possibilidades para novos avanços. “O interesse por essas iniciativas mostra que estamos no rumo certo, com os atores do ecossistema integrando a COINCITEC, cada vez mais fortalecidos por um propósito: Levar a ciência, a tecnologia e a inovação para os industriais do Rio Grande do Norte”, disse o diretor da FIERN sobre a participação Web Summit Portugal e o painel no qual foi um dos expositores.

 

 

Maior conferência de tecnologia do mundo, essa edição da Web Summit Portugal foi em Lisboa e atraiu executivos de diversas empresas que desenvolvem tecnologia. Foram listados mais de 900 investidores e delegações de 153 países.

 

 

“Tivemos a participação de sete startups do Rio Grande do Norte, que foram ao Web Summit, com o apoio do SEBRAE, integrando a missão do Estado à conferência com a ideia de internacionalizar suas atividades. Um aspecto também relevante é que, em Portugal, já há startups brasileiras. Tudo isso fortalece o nosso ecossistema”, Djalma Barbosa.

 

 

Entre os assuntos discutidos, este ano, esteve a “Inteligência Artificial”, com debates sobre sua aplicação em uma série de indústrias e também os desafios à forma como é desenvolvida e implementada. Outro assunto em discussão foi o “Acesso a Capital”, além da “Regulação e seu impacto na inovação e na proteção de utilizadores e na forma como é abordada por EUA e Europa”.

 

 

O Pavilhão Brasil contemplou, além dos painéis, ações de negócios e de imersão no ecossistema de inovação de Portugal e a participação no Web Summit 2023. O pavilhão foi organizado pela ApexBrasil, o Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC), Ministério das Relações Exteriores (MRE) e a Embaixada do Brasil em Lisboa, em parceria com o Sebrae e o Serpro (Serviço Federal de Processamento de Dados).

 

 

Assista ao vídeo no qual o diretor de Inovação da FIERN e presidente da COINCITEC/FIERN destaca a participação na Web Summit 2023: