Unidade de Desenvolvimento Industrial inicia apresentação de potencial sindical a presidentes associados

6/02/2024   18h20

 

 

A Unidade de Desenvolvimento Industrial da Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (FIERN) iniciou as apresentações do Potencial Sindical de cada setor industrial do estado vinculado à Federação, na tarde desta terça-feira (6). A ação está dentro de um novo projeto chamado Sind+RN. O primeiro a ser recebido foi o Sindicato das Indústrias de Laticínios e Produtos Derivados (SINDLEITE-RN).

 

Na ocasião, foram apresentados pela equipe do Observatório da Indústria Mais RN indicadores relacionados à geração de empregos e número de empresas do setor de laticínios no estado. De acordo com a coordenadora executiva de Relações Institucionais e Mercado, Ana Adalgisa Dias, esse é o início de uma agenda que irá continuar ao longo das próximas semanas em reuniões com outros sindicatos associados. Além de indicadores sobre o potenciais do setor, também foi apresentada uma nova logomarca do SINDILEITE.

 

“Estamos apresentando o potencial de cada setor aos presidentes, começando com o SINDLEITE. Além desse potencial, também apresentamos uma nova logomarca nesse processo de renovação e o que nós queremos é traçar indicadores, fazer com que haja um fortalecimento da indústria de laticínios no RN”, detalha.

 

De acordo com o presidente do SINDLEITE, Túlio Veras, o sindicato tem buscado por novos projetos junto à FIERN. “Viemos pensar o futuro da indústria de laticínios do RN, buscando conhecimento e linkando esse conhecimento com o campo, com o mercado. Estamos também renovando, através da Federação com apoio a esse novo modelo sindical que está sendo desenhado”, disse.

 

Ele comenta ainda que tem planejado estratégias mais assertivas para o futuro do setor. “Queremos planejar, através dessas estratégias que têm sido pensadas em conjunto e usando o conhecimento de todos, um projeto mais robusto e mais assertivo [do sindicato]. É isso que o SINDLEITE está buscando”, complementa.

 

Também participaram da reunião, o assessor Renato Garcia e o consultor da Thêmata, Pablo Ruiz.

 

 

 

Texto e fotos: Líria Paz